Pular navegação.

Poesia


A Soeli

Cuido
que te conserves
como um bordeaux

Através os tempos
matarás minha sede

Que acaricie meus lábios
teu sabor
de vinho raro

Que espalhes teu aroma
na embriaguez
desse vício
envolvente
em que me acolhes
para sempre...

voltar

© 2004–2017 Renato.Fialho.